O Recém-nascido (do nascimento até 28 dias de vida)

Recém nascido - Príncipe - Dra Lilian

O Recém-nascido (do nascimento até 28 dias de vida)

Depois de passar nove meses dentro do “palácio” (adorei este termo, na China e no Vietnã o ventre é chamado de “palácio da criança”), envolto numa almofada de água, sendo servido (como um príncipe) vinte e quatro horas do dia exclusivamente pela mãe que come, bebe, respira por ele e o aquece, chega o dia do nascimento, quando o bebê será impelido para fora deste ambiente seguro, quente e confortável.

 Dizem que a origem do nosso medo (medo do que vai acontecer, medo do desconhecido, de não conseguir, medo de morrer, etc) vem deste momento assim como o desejo de sobrevivência.

Será a primeira vez que precisará respirar sozinho, o ar frio expandirá seus pulmões numa experiência não muito agradável, o cordão umbilical será cortado, sentirá fome, frio, os ruídos ferirão seus ouvidos delicados e a luz ofuscará seus olhos. Porém, tudo isto será compensado pelo aconchego e o embalo nos braços dos pais, a energia do amor, a imensa alegria de sua chegada.

Será um longo período de adaptação, principalmente para o bebê pois terá que aprender a sugar o peito da mãe quando sentir fome, manifestar-se e se fazer entender quando algo não vai bem, diferenciar o dia da noite, etc.

Os pais podem ter a ilusão de que ele não sabe nada e que devem lhe ensinar tudo, mas é ele que os ensinará, despertando muitos sentimentos e capacidades que eles até então desconhecem que têm.

 

like do facebook Dra Lilian

SEM COMENTÁRIOS

Deixe um comentário