sabores da infancia

Sabores da Infância

Que sabores faz você lembrar da sua infância?

Pergunta simples, mas eu não sabia responder. Rastreei minha memória e achei algumas delícias que há tempos não saboreava. O assunto permaneceu em looping no meu cérebro, pois eu nunca me fizera tal pergunta.

Pensando bem, entre as lembranças … e os sabores: chimia de ovos, pão caseiro, bananas, caquis, araçás, goiabas e ingás do quintal da minha casa.

Comida da vizinha

Devolvi a pergunta para minha querida amiga, que cutucara o fundo das minhas reminiscências. E você, qual o sabor que lembra da sua infância?

Para minha surpresa, a lembrança dela era do cheiro da comida da casa da vizinha.

Dra. Lilian conta…

Dra. Lilian conta que quando era pequena brincava na casa da vizinha. Quando a dona Maria, mãe da amiguinha, começava a fazer o almoço, o cheiro de alho frito do arroz, chegava até a varanda onde as duas brincavam. O cheirinho entrava pelo nariz e impregnava sua imaginação e sua alma. Vale lembrar que na sua casa, só se comia arroz branco, sem tempero algum, como era o costume japonês. Ela nunca provou do arroz da dona Maria. Até tentou algumas vezes depois de adulta. Porém, ao reencontrar sua amiga de infância, soube que a dona Maria, sua mãe, estava acamada e muito doente.

Até hoje dra. Lilian adora o arroz temperado, mas nem todos trazem o cheirinho daquele da dona Maria.

Chimia de ovos

Por longo tempo, achei que chimia de ovos fosse apenas um nome regional da minha infância, pois não achei ninguém que conhecesse. E uma vez que preparei, feliz e empolgada para fazer um agrado, escutei: – mas é só ovo doce? Nunca mais ofereci para ninguém, mas às vezes faço chimia para mim.

Mas agora, neste escrever, resolvi pesquisar no Google … ora vejam, que surpresa … chimia de ovos existe para além da minha imaginação. São muitas receitas, parecidas, mas vou deixar a minha.

Receita de chimia de ovos

Entre os ingredientes: 1 ovo, 3 colheres rasas de açúcar e um pouquinho de óleo.

Bate-se o açúcar, o ovo e o óleo em um copo para desmanchar a clara. Depois, coloca-se tudo em uma pequena frigideira e fica mexendo, quando começar a descolar do fundo … é só saborear. Mas cuidado para não queimar a língua!

Sabores do Pão Caseiro

Pão Caseiro hoje é o centro das atenções em uma reunião entre amigos na capital paulista. Mas, seus sabores na minha infância eram diferentes, pois o pão caseiro fazia parte do cotidiano. Eu nem notava. Pão de padaria é que era luxo, mas nunca tinha.

Pão caseiro? Sim. Pois se comia chimia sobre o pão como se fosse uma geléia. Todos nós queríamos raspar a frigideira com restos de chimia, que era a estrela do lanche. Mas, vá com parcimônia, pois é bastante calórica … mas criança que vive correndo não se preocupa com isso.

Sabores das Frutas no quintal

No quintal de casa havia pés de bananas, caquis, araçás, goiabas e ingás. Bananas e goiabas tinham o ano inteiro, mas as outras frutas só em períodos específicos. Com exceção do ingá, hoje achamos no comércio todas essas frutas, mas seus sabores são diferentes, falta a energia da Infância.

Sabores e lembranças

Doces e lindas lembranças, vivas. Visitei, quando adulta, a terra da minha infância. Ela continua lá, moderna, mas com doces industrializados. Achei uma farinha de mandioca igualzinha a da infância, que é produzida em um engenho pequeno … mas desta o mercado não vende, é apenas para os conhecidos.

E o meu quintal? Também está lá, mas as árvores foram substituídas … acho que por umas vinte casas.

Mais sabores

Embora a modernidade tenha nos subtraido alguns sabores da infância, a migração de povos e a ciência nos ofertaram mais sabores e conhecimento.

O oriente nos presenteou a Medicina Tradicional Chinesa com seus Cinco Elementos.

E a ciência fundamenta os milenares conhecimentos da alimentação sem carne.

like do facebook Dra Lilian

2 thoughts on “Sabores da Infância

  1. Que bacana Janete, fico feliz pela sua inspiração e pelo desafio que vai lançar no Face.
    Um abraço parecido com algum que vc recebia e adorava na sua infância.

  2. Dra. Lilian !!!
    Que artigo maravilhoso!!!
    Quantas lembranças foram resgatadas… Inclusive ada Chimia de ovos … Que mamãe chamava de “ovos caramelizados” uma delícia!!!
    E, em tempos de quarentena…
    Você me deu uma boa idéia…
    Lançar um desafio , no Facebook, pedindo que contem uma lembrança “de sabor” de infância.
    Serão momentos de prazer!!!

    Dra, minha gratidão!!
    Bjokas
    Janete

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *