emoções

Sete Emoções da Medicina Chinesa

As nossas Emoções balanceiam os nossos Cinco Elementos.

Naturalmente os Órgãos tendem ao equilíbrio, segundo a Teoria dos Cinco Movimentos da MTC.

Entretanto, as influências negativas externas desarmonizam esse funcionamento, prejudicando os órgãos e a interação entre eles.

Normalmente, falamos em Cinco Emoções, entretanto, os compêndios de Medicina Chinesa relatam Sete Emoções, que afetam o funcionamento dos órgãos.

Sete Emoções

  • Raiva
  • Alegria
  • Tristeza
  • Preocupação
  • Ficar pensativo
  • Medo
  • Choque

1 – Raiva

A palavra raiva tem um sentido amplo e agrega estados emocionais, tais como: ressentimento, raiva reprimida, irritabilidade, frustração, ódio, indignação, animosidade e amargura.

2 – Alegria

A Alegria em si é um estado saudável da Mente tranquila. Porém, quando essa Alegria é resultante de um estado de excitação excessiva e por período prolongado, então ela passa a ser danosa à saúde.

3 – Tristeza

A Tristeza inclui as emoções de aflição e lamento. Por exemplo quando alguém remói o passado e a Mente constantemente retorna para aquele tempo. 

4 – Preocupação

A Preocupação é uma das causas emocionais mais comuns de doença em nossa sociedade. Pois as mudanças sociais extremamente rápidas e radicais, ocorridas nas últimas décadas, criaram um clima de insegurança em todas as esferas da vida, principalmente em tempos de pandemia.

5 – Ficar Pensativo

O estado de Ficar Pensativo é bem parecido ao de preocupação em seus efeitos. Consiste em remoer, pensar constantemente em certos eventos ou em pessoas de forma nostálgica.

Nestes casos, em vez de viver, a pessoa fica pensando intensamente na vida . Em situações extremas, o estado de Ficar Pensativo conduz a pensamentos obsessivos.

6 – Medo

O Medo inclui tanto um estado crônico de medo, ansiedade e medo súbito. Entretanto, pequenos medos no cotidiano são normais e saudáveis, pois assim somos mais cautelosos nos comportamentos diários pela busca da preservação da vida.

7 – Choque

O Choque ou Susto é quando um fato nos surpreende tão fortemente que suspende momentaneamente a circulação da Energia Qi, podendo causar palpitação, falta de ar e insônia.

Cinco Órgãos e Emoções

As Sete Emoções prejudicam os Cinco Órgãos Yin seletivamente, mas todas afetam o Coração.

A Alegria em excesso e contínua prejudica o Coração, pois mantém os níveis de adrenalina em alta, corpo em alerta, consumindo assim, a Energia do Coração.

A raiva prejudica o Fígado, e como ele regula o nosso metabolismo afeta o Coração. Portanto a raiva afeta o Fígado e o Coração.

A tristeza faz mal ao Pulmão porque a pessoa esquece de respirar prejudicando as trocas gasosas e consequentemente o Coração. Portanto Pulmão e Coração são afetados pela tristeza.

É importante esclarecer que a respiração é involuntária, portanto a pessoa com tristeza continua respirando, porém de forma superficial.

As emoções preocupação e ficar pensativo, ambas afetam o Baço. O Baço contribui com o acúmulo de líquidos no corpo que sobrecarrega e afeta o Coração.

O estado de ficar pensativo prejudica o Baço, pois aumenta de forma desequilibrada o gasto de glicose pelo cérebro, induzindo a pessoa a um estado constante de fome e vontade de comer doce, que gera uma ansiedade que afeta o Coração. Portanto, o estado de ficar pensativo desequilibra Baço e Coração.

O medo afeta o Rim – órgão do elemento água – que equilibra o Fogo do Coração. Assim esse Rim com medo encharca o corpo prejudicando a Alegria do Coração.

Susto ou choque paralisa a circulação de Qi afetando diretamente o Coração.

Órgãos e Sete Emoções

  • Raiva -> Fígado -> Coração
  • Alegria -> Coração 
  • Tristeza -> Pulmão -> Coração
  • Preocupação -> Baço ->Coração
  • Ficar Pensativo ->Baço -> Coração
  • Medo -> Rim -> Coração
  • Choque -> Coração

Lidando com as Emoções

A seguir nove (9) sugestões de como lidar em momentos difíceis.

1 – Quando me percebo alterado

Sempre que alguma emoção está exacerbada é importante procurar ajuda com um Profissional da Saúde que tenha um olhar holístico.

Entretanto já podemos agir fazendo a nossa parte:

  • primeiro passo é parar e respirar.

Assim mais tranquilos podemos fazer uma acupuntura, massagem ou outra prática de saúde.

2 – Quando percebo o outro alterado

Nem sempre podemos interferir na vida alheia. Porém, é importante tentar uma conversa e sugerir que a pessoa respire e procure ajuda profissional.

3 – Risos … risos e alegria

“Euforia, barulho, banda na rua, palhaços e colombinas.

É carnaval … são três dias. Porém, é importante lembrar que a quarta-feira de cinzas e a quaresma são tempos de recolhimento para nos recompormos.”

A metáfora construída acima diz que a alegria faz parte da vida e é importante. Mas em demasia pode consumir nossa energia … e nossa saúde. Portanto alegria sempre, mas com parcimônia.

4 – E se eu fosse o outro?

Aquele carro me fechou quando eu estava dirigindo. Que raiva … será que o cara não me viu?

Acima uma situação corriqueira. Fiquei com raiva e teoricamente tenho razão. Em alguns casos tenho mesmo.

Mas ampliando olhar … pode ser que:

  • Outro veículo que eu deixei de ver tenha o fechado primeiro.
  • Um gato, cachorro ou uma pessoa, tenha ido em direção ao carro dele.
  • Tenha tido um mal súbito.
  • Ou qualquer outro evento com ou sem justificativa. 

Por isso, sugiro que tire o foco da raiva sentindo gratidão pelo mal que deixou de ocorrer. Assim dissolverá a raiva e se sentirá bem melhor.

5 – Não passei na prova

É injusto, estudei o ano todo, sabia muito, mas não consegui minha vaga na faculdade que queria. Minha tristeza era infinita.

  • Chorei, chorei, chorei … vi o dia amanhecer.
  • Olhei o sol.
  • Respirei fundo e dormi.
  • E quando acordei retomeu meus estudos e me preparei para o próximo vestibular. Pois minha tristeza foi infinita enquanto durou, mas não foi imortal.
  • E hoje sou médica.

Essa história é minha.

6 – Imaginando desastres

O mundo está repleto de incêndios, catástrofes, pandemias, etc.

Porém, se a gente ficar imaginando o que pode acontecer conosco, podemos perder lindos quadros na nossa vida, como:

  • o bom dia de uma amigo
  • o sorriso de um filho
  • a comida que temos à mesa
  • a mensagem de uma amigo no WhatsApp
  • o carinho de quem está ao nosso lado

Enfim, podemos perder uma infinidade de alegrias. Portanto, evitemos sofrer por antecedência.

7 – Sonhar acordado

Ficar sonhando com fatos que ocorreram às vezes nos impedem de viver o presente.

É bom recordar histórias bons que nos trazem alegria. E os fatos ruins servem de modelo para que evitemos repetir erros do passado.

Entretanto, viver o presente é primordial para nos mantermos saudáveis.

8 – Cuidado com o bicho papão

Uma criança que cresce acuada com medo pode apresentar problemas urinários, como enurese noturna (xixi na cama).

Neste caso é importante fortalecer a Energia do Rim com acupuntura, moxa, etc. Com o objetivo de aumentar a autoconfiança e estabilizar os medos.

9 – Você está falando mal de mim!!!

Mas a gente nem estava falando de você.

A fala acima pode ser de uma pessoa assaltada recentemente, que reage violentamente quando amigos conversam próximo a ela, sem que ela os escute.

Trauma, choque, susto … essas emoções podem remeter a choque pós-traumático, que é quando uma pessoa apresenta problemas psicológicos graves após algum assalto ou perda repentina de um ente querido. É o Coração que fica em estado de alerta constante, que tudo que ele desconhece pode ser um perigo.

Emoções e MTC 

O objetivo dessas histórias ficcionais – mas inspiradas em casos reais – que lhes contei acima, é que nos lembremos que, mesmo detentores de grande conhecimentos, estamos longe da onisciência.

Portanto,

  • que sejamos tolerantes com o outro
  • e também conosco,
  • sempre vigiando a nossa mente e nossas emoções,
  • para evitar que elas nos dominem,
  • e que sejamos soberanos para viver equilibradamente,
  • curtindo e aprendendo com nossas emoções. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *