Chás para a saúde

Chás para a saúde acompanham a história da humanidade e nossa história pessoal. Saborear um chá pode despertar lembranças e emoções.

Seus sabores nos remetem a tempos que jamais voltam … embora pareçam lembranças desbotadas, elas podem, num repente, ganhar luz e extrair um sorriso lá do fundo da alma.

Médicos e postos de Saúde

Hoje é oferecido uma infinidade de medicamentos em farmácias, pela internet e na televisão. E apesar da inacessibilidade para alguns, também temos os postos de saúde que atendem à população com fitoterapia, pois é uma prática integrativa homologada pelo SUS.

Mas outrora, lá pelos meados dos anos 60, em muitas cidadezinhas brasileiras, médico era a cada 15 dias, quando tinha. Mas as pessoas também adoeciam. E a quem recorriam? Às benzedeiras, ao farmacêutico às vezes … e sempre ao conhecimento popular. E assim, havia uma receita, da vovó, da vizinha ou mesmo da senhorinha rezadeira.

Chás dos povos

Porém, hoje, a cultura popular expandiu. Pois, além nos nossos chás tão brasileirinhos, também temos acesso tanto aos chás das vovós, como aos chás da tradição chinesa e de outros tantos povos. Pois, o mundo que chega à nossa casa é maior que a nossa vila.

Chá é coisa antiga

Sim, chá é coisa antiga. Contudo é importante lembrar, que os chás são precursores dos medicamentos modernos, visto que, grandes laboratórios buscaram na cultura popular inspiração para novos medicamentos com a extração e estudo de seus princípios ativos.

Então, vamos nos beneficiar daquilo que o mundo moderno nos oferece, como: vacinas, medicamentos, médicos, unidades públicas e particulares de atendimento à saúde. Mas, agora a conversa é com o nosso quintal.

Quintal, mercados e lojas

Assim, voltando aos nossos chazinhos, onde vamos os encontrar? Podemos os cultivar em vasinhos, no quintal, comprar em supermercados ou em lojas de produtos naturais. Até farmácia vende chá. Também, estão disponíveia cápsulas. Que bom!!! Posso usar qualquer um?

Contra-indicação

Cuidado ao usar qualquer chá, embora a maioria deles seja sem contra-indicações, é importante ficar atento. Portanto, antes de ingerir qualquer tipo de chá, verifique a procedência e se existe alguma contra-indicação para você.

Por exemplo, o chá de alho é bom para resfriados. Porém, ela baixa um pouquinho a pressão. Então, se a sua pressão já for baixa, cuidado.

Também, chá de quebra-pedra contribui, segundo a cultura popular, para expelir cálculos renais. Porém é diurético e analgésico. Mas, se você já toma algum diurético, pode potencializar o efeito e assim você pode perder líquido demais.

Procedência dos chás

Se o chá é do seu quintal do seu vazinho e se você os alimenta sem agrotóxicos, excelente. Consuma com tranquilidade.

Normalmente, os chá vendidos em estabelecimentos comerciais vêm com data de validade e descrição do produto, então são seguros também.

Contudo, se esse chá é vendido na rua sem qualquer etiqueta … vejo gente comprado, mas eu abro mão de o comprar, pois gosto de saber a procedência. Você conhece o formato da folha ou da raiz, para saber se o que estão lhe vendendo é o que você busca?

Bem, hoje há no mercado produtos de procedência confiável, que seguem regras de segurança no cultivo e no processo de embalagem. Por exemplo, Chás Orgânicos. Mas, voltemos aos chás.

Chás pra que?

Frequentemente recorremos aos chás para relaxar das atribulações do cotidiano. Para nos aquecermos quando está frio. Para um resfriado, e até mesmo para despertar e ficar mais atento num manhã sem vontade de se levantar.

Cidade e estresse

Viver em uma cidade grande ou pequena sempre há preocupações que fazem mal à saúde. Pois, correria, barulho, má alimentação e ansiedade pode haver em qualquer lugar … senão, como a cultura popular reconheceria o benefício dos chás para a ansiedade? E a recomendação é chá de camomila, erva cidreira, melissa, passiflora, valeriana ou lúpulo. Construa seu bem estar.

Camomila

A Camomila – Matricaria chamomilla – ou Marcela ou Macela – Egletes viscosa – plantas da mesma familia – conhecida nos interiores do Brasil tem um aroma que nos leva ao carinho das vovós. Mas, também nos leva para boas noites de sono. Você teve um travesseiro cheiroso de Marcela? Hábito interiorano que já pode ser resgatado em lojas de produtos naturais ou em grandes sites de compra.

Erva Cidreira

A Erva Cidreira – Andropogon schoenanthus – popular em todo o Brasil tem nomes variados, como: Capim Cidreira, Capim Limão e Capim Santo. Com propriedades calmantes, analgésicas e delicioso perfume. Usa-se para acalmar, relaxar e aliviar dores musculares.

Curiosidade: se for passear lá pelos interiores e adquirir folhas de Capim Santo, poderá as lavar, secar e congelar. E assim, seu chá com aroma natural estará garantido por alguns meses.

Melissa

O chá de Melissa – Melissa officinalis e calaminthacombate o nervosismo e a ansiedade. Planta conhecida desde a antiguidade e originária da Europa. Entre seus princípios ativos: tanino, óleo essencial, resina, ácido gálico e mucilagem. Seu chá diminui o nervosismo e a ansiedade.

Maracujá ou Passiflora

O Maracujá ou Passiflora – Passiflora incarnata ou quadrangularis – é abundante em todo o Brasil. Por causa aos seus benefícios, encontra-se no mercado em formas variadas: frutos, sucos, folhas para chá e em cápsulas.

É um calmante não viciante, que também é benéfico para asma, coqueluxe, erisipela e nevralgias.

Lembro em um momento, quando uma amiga chorava muito pelo acidente do filho, cujo estado inspirava preocupação. Então, preparei um suco concentrado com uns 6 maracujás e a fiz ingerir aquele suco azedo com pouco açúcar. O choro parou, e alguns minutos depois ela dormiu e acordou mais tranquila. E o rapaz, embora tenha ficado hospitalizado uns dias, até hoje goza de boa saúde. Foi apenas um baita susto.

Valeriana

A Valeriana – Valeriana officinaliscalmante que diminui o nervosismo. Indicada também para casos de epilepsia e neurastenia. É uma planta cultivada no Brasil encontrada normalmente em cápsulas de extrato seco, comercializadas em farmácias como fitoterápico.

Lúpulo

O chá de Lúpulo – Humulutus lupulus – e usado para favorecer o sono. Porém, é mais conhecido na fabricação de cerveja, onde são usadas as flores femininas.

Pode ser encontrado em cápsulas ou em para fazer chá. Mas, se tiver espaço e desejar cultivar no seu quintal o Lúpulo, poderá comprar os rizomas pela internet.

Chá para despertar

Para despertar e ficar mais atento durante o dia, temos facilmente no mercado, o Preto, Mate e Verde. Sabia que o Chá Inglês para se tomar pela manhã é o Chá Preto?

Fitoterapia Chinesa

Da tradição milenar da Medicina Tradicional Chinesa (MTC), os chás e fitoterápicos chineses estão cada dia, mais arraigados nos hábitos do brasileiro. Mas, este assunto é bastante extenso, então citaremos uns poucos.

Chá de Raiz de Lotus

O chá da raiz de Lotus, de acordo com a cultura popular, dissolve o muco acumulado no corpo, especialmente no sistema respiratório. Então é indicado quando há forte secreção no pulmão, principalmente no inverno. Porém, se tiver acesso, consulte um médico para obter o diagnóstico correto, pois o chá é uma terapia complementar e não substitui uma avaliação clínica, pois quando um filho adoece o pediatra é de suma importância.

Na antiguidade, o suco extraído da raiz crua, cortada bem fina era usado no tratamento da tuberculose, asma, doenças do coração, para dar energia e neutralizar toxinas. Mas hoje, a tuberculose tem tratamento gratuito nos postos de Saúde e pode ser diagnosticada em exame de escarro.

Foti ou He Shou Wu

O Foti ou He Shou Wu é uma raiz bastante conhecida da mulher chinesa. Pois seu uso frequente deixa a pele mais aveludada e os cabelos menos embranquecidos, sendo conhecida tradicionalmente por retardar o envelhecimento.

Portanto, seu consumo regular na mantem a jovialidade e a vibração com a vida de forma saudável. Essa juventude é mantida, pois é o Foti é uma erva tônica – segundo a MTC – que pode proteger os órgãos e a energia vital em todos os sentidos. Também é conhecida pelos nomes latinos de Polygonum multiflorum e Radix polygoni multiflori. Seu chá é um tônico de uso diário.

Seus fitoterápicos e chás

Você pode ter sua caixinha de chás e fitoterápicos. Mas antes, consulte a sabedoria de sua família e a sua, pois são conhecimentos valiosos.

Depois, leia a respeito, fale com amigos, conheça os hábitos deles. E se achar pertinente, consulte um fitoterapeuta. E lembre, muitos médicos também recomendam chás …

4 comentários

  1. Boa tarde, Lais! Muito obrigada por companhar o blog. Dei uma acessada no site indicado e achei interessante o chá. Porém q ervas o compõem e qual é a dosagem do Triptofano e do Magnésio? Abraços

  2. Oi tudo bem? Gostei do seu post tem muita informação valiosa aqui, vou começar a seguir seu blog. Acabe com a Ansiedade é preocupação intensa, excessiva e persistente e medo de situações cotidianas. Acesse o link: http://cutt.ly/IyJGKlj

Os comentários estão encerrados.